Image Map S.O.S. Girls: Meus temperos favoritos

Meus temperos favoritos

21 fevereiro 2015


     Olá meus amorecos, como anda a vida aí ein?

     Hoje vim falar um pouco sobre meus temperos favoritos, yupi! Quanto tempo não falo sobre comida aqui, não é?
     Se você gosta de cozinhar ou está cansado daqueles temperos moídos prontos, continue lendo pra saber como dá mais gosto e vida aos seus pratos de forma simples e barata.


     Confesso que só de olhar essa foto me dá fome.
     Eu a-m-o cozinhar. O melhor é que você pode inventar e reinventar tudo quando for cozinhar novamente, apenas trocando a ordem dos temperos ou colocando outros, e isso é mágico.
     Antigamente, eu era viciada naqueles temperos prontos, sabem? Que tem de carne, pra legumes, frango, etc. Eu não vivia sem! Em casa tinham todos os tipos e nunca faltava. Eu colocava até na salada gente! E tenho que dizer, eles não deixavam os alimentos mais gostosos, e sim te davam mais vontade de comer. Depois que comecei o blog, fui pesquisando mais sobre tudo que eu comia e passava em mim mesma, e descobri coisas horríveis sobre esses temperos prontos. O nome glutamato monossódico me assusta até hoje, é um assunto muito extenso que ainda vou tratar dele aqui, mas pra quem quer saber o que é, aqui tem a matéria sobre o que vem nesses saquinhos de tempero.
     Então, depois disso tomei nojo de tudo muito industrializado e aí sim comecei a cuidar de verdade da minha alimentação. Não apenas para emagrecer, e sim pra cuidar melhor de mim. Assim, descobri muitos novos temperos e como usá-los.
     Esse 4 são os meus temperos favoritos: salsinha, alho, cebolinha e cebola. Se eu pudesse, usaria em todos os pratos possíveis, se duvidar, até em sucos, porque eu simplesmente AMO.
   
     Salsinha
     Como todos os temperos, ela é muito boa pra saúde! Rica em vitaminas A e C, é diurético natural, anticancerígena e alivia dores no estômago. Sem falar que é deliciosa. Eu sempre uso no estrogonofe, em batata assada, frango assado, picadinha na salada e em sopas. Dica: lembre-se sempre de colocar por último, pra não queimar a folha e ficar com gosto ruim.

     Alho
     Ahhh, o alho? Quem não gosta de alho? Pode não gostar dele puro, mas duvido que o arroz da vovó e da mamãe sem aquele alho bem picadinho seriam tão gostosos assim! Gente, o alho é tudo de bom pra saúde! Poderia fazer uma lista de tudo que ele auxilia no nosso organismo, mas vou resumir em: antioxidante, antiviral, antibiótico, previne o câncer, aumenta o colesterol bom, etc etc etc. Resumão: É PERFEITO PRA SAÚDE. Nem preciso dizer que uso alho em tudo, não é? Gente, sério, todos os meus pratos salgados levam alho, seja picado, seja socado, seja frito, seja cru no tempero. Dica: pra tirar o cheiro de alho das mãos (eu amo o cheiro, mas me deixa com muita fome haha) lave assim que acabar de picar com cloro ou com vinagre.

     Cebolinha
      A cebolinha eu descobri recentemente, pra mim era tudo cheiro verde. Pra quem não sabe, a cebolinha e a salsinha vendem juntas, conhecidos como cheiro verde. Só depois de muito pesquisar percebi que eram dois temperos diferentes. As duas juntas são uma dupla perfeita, mas a cebolinha sozinha também é muito boa. O melhor dela é que o talho é bem crocante, perfeito pra picar e colocar em cima daquela salada sem graça, faz toda a diferença. Fonte de vitaminas A e C também, estimula o apetite e contém muito cálcio, o que ajuda nos dentinhos. Uso normalmente junto com a salsinha, mas meu prato favorito com ela é estrogonofe. Dica: a folha da cebolinha, a parte mais de cima, queima fácil se colocar pra cozinhar junto no que você for fazer, e o gosto pode não ficar tão bom. Coloque sempre por último e na hora que for ingerir.

     Cebola
     Minha história com a cebola é antiga, amor e ódio juntos. Eu odiava cebola (sem nem ter provado), porque todo mundo dizia que ardia a boca e que dava mal hálito (bom, eles não mentiram). Então, fiquei meio traumatizada haha. Mas, um dia, comi um arroz em algum lugar tão bom, mas tão bom, que perguntei pra alguém porque aquele arroz era tão bom, e me responderam "Ah, porque foi feito com alho e cebola." PRONTO, plantaram a sementinha em mim. Ninguém mais em casa conseguia fazer arroz sem cebola porque eu perturbava muuuuito pra colocar. E aí foi crescendo esse amor incondicional, até que então eu coloco cebola praticamente em todos os meus pratos salgados também! A cebola faz tão bem pra saúde como o alho. Dica: chora muito pra cortar? Experimenta descascar todas elas assim que chegar do mercado e coloca na geladeira, ou cortá-las debaixo da água corrente, desses dois jeitos funcionam comigo e não ardem tanto os olhos assim.
   
      Cominho
       O cominho também é minha outra paixão. É digestivo, diurético, antiácido e laxante, então vamos usar com cuidado né?  Uso muito quando vou temperar frango e em molhos. Ele é um pouco adocicado e um pouquinho apimentado, amo!

      Então, é isso pessoal. Pra todos esses temperos realmente terem impactos positivos na sua saúde, experimente usá-los sempre, quanto mais, melhor, de preferência todos os dias. Experimente-os em pratos novos, use-os de jeitos diferentes, não tenha medo de provar. Pra ter um cabelo bonito, um corpo bonito, uma pela bonita, não adianta, não tem fórmula mágica, SEMPRE COMECE PELA ALIMENTAÇÃO. Esse é o recado de hoje, beijos beijos e até a próxima! 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: Luci Gonçalves.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo